Os juízes especialistas da competição RSAC Innovation Sandbox Contest selecionam a empresa pela tecnologia pautada no conceito de PrivacyOps baseada em Inteligência Artificial. Para Vladimir Amarante, diretor Regional para LATAM, a notícia já ecoa no Brasil e vai ajudar o reposicionamento da marca no país

SECURITI.ai, startup do Vale do Silício criada há um ano, foi nomeada a empresa mais inovadora da RSAC Innovation Sandbox Contest, uma competição que acontece há 15 anos durante a RSA Conference, uma das maiores Conferências de Segurança do mundo que acontece essa semana em São Francisco-USA.

100 empresas participam do processo do Innovation Sandbox e 10 são selecionadas para ir a São Francisco apresentar aos jurados as soluções em destaque, além de um speech de 5 minutos diante da plateia. Desde a sua criação, os 10 principais finalistas da competição já movimentaram US$ 6,2 bilhões em investimentos e aquisições.

Os juízes especialistas selecionam a SECURITI.ai por sua solução PRIVACI.ai, pautada no conceito de PrivacyOps baseada em Inteligência Artificial. “A privacidade é um direito humano básico. A conformidade e as operações de privacidade estão se tornando cada vez mais complexas para as empresas em todo o mundo e estamos honrados com o reconhecimento”, pontua Rehan Jalil, CEO da SECURITI.ai durante a RSAC.

A solução, que já está disponível no Brasil, automatiza a conformidade da privacidade usando o People-Data-Graphs, que cria um mapa visual da Pessoa aos seus Dados Pessoais, útil para a empresa ter claro e rápido o contexto daquele Titular de Dados. A tecnologia permite que as empresas concedam direitos às pessoas sobre seus dados para que possam efetivamente cumprir com essas obrigações de forma escalável através da automação da plataforma, a fim de cumprir com os regulamentos globais de privacidade (como o LGPD) e criar uma relação de confiança com os clientes.

“A RSAC é um dos eventos de segurança mais tradicionais e importantes no mundo e o reconhecimento de Startup mais Inovadora reforça o quanto a nossa tecnologia é relevante, especialmente nesse momento global de foco em questões de privacidade”, acrescenta Vladimir Amarante, diretor Regional para LATAM da SECURITI.ai. “Celebramos muito esse reconhecimento e a notícia já ecoa fortemente no Brasil, o que nos ajuda a posicionar a marca na região, onde esperamos crescimento expressivo em 2020”, completa o executivo.

Para Linda Gray Martin, diretora sênior e gerente geral da RSAC, o setor de segurança cibernética enfrenta diariamente novas ameaças, mudanças e muitos desafios. Por isso, a Innovation Sandbox se compromete em promover, recompensar e incentivar a inovação no setor.

“Os finalistas deste ano, independentemente do resultado da competição, sem dúvida terão um impacto duradouro no setor. A SECURITI.ai, em particular, demonstrou uma visão única que aborda um dos maiores desafios que as empresas enfrentam atualmente. Estamos ansiosos para testemunhar os próximos passos”, completa Linda.

Fonte: Security Report