Resultado de imagem para o que o google sabe sobre voce

Tem sido amplamente discutido o tema Privacidade de Dados e a importância de protegermos nossas informações pessoais contra utilização indevida, como venda de dados e utilização destes para que sejam definidos perfis econômicos, sociais ou de qualquer outra natureza, limitando, sem que o indivíduo saiba, suas chances de conseguir um emprego, um crédito bancário ou outras demandas em sua vida.

O que poucos sabem, em um mundo cada vez mais centralizador e vigilante, é que nossas informações nem sempre são providas de forma direta, mas também indiretamente, como veremos no caso do Google (mas que não é o único a executar esta prática, sendo também algo comum em outras organizações no mundo digital, como Facebook, Twitter e outros:

Ao se criar uma conta ou se cadastrar em qualquer site ou serviço na Internet, sempre seja diligente e consciente sobre o que será disponibilizado e como isso pode afetar negativamente sua vida.

Porém, uma vez criado um cadastro (que é a forma direta de concessão de informações), há a rastreabilidade disso, criando uma trilha do que este usuário realizou (as ações) e, posteriormente, possibilitando que este seja enquadrado em um certo perfil de pessoas, podendo ser utilizado para fins comerciais, militares, criminais, sócio-econômicos, religiosos ou de qualquer cunho discriminatório (lícita ou ilícitamente).

No caso do Google, veja abaixo como descobrir (e se surpreender) com que esta corporação sabe sobre você:

  1. Acesse este link;
  2. Selecione todos os serviços Google que você tem interação (recomendo selecionar todos para garantir que o máximo de informações sejam disponibilizadas). Veja ainda que para cada serviço você pode selecionar a forma como os dados serão exportados;
  3. Clique em Próximo (ou Next step);
  4. Selecione a forma como prefere baixar as informações (link por email, Google Drive, Dropbox, OneDrive ou Box), a quebra (um único item ou com quebras por bimestre), o formato (.zip ou .tgz), tamanho máximo do arquivo (até 50GB, sendo que atingido o limite haverá quebra);
  5. Clique em Create archive ou Criar arquivo;
  6. Será exibida uma tela informando que o arquivo está sendo criado e que isso, devido ao seu tamanho, pode demorar e, para seu conforto, um email será enviado avisando sobre o término da ação;
  7. Ao receber o email, siga as instruções (será solicitada sua senha da conta em questão) da mensagem para baixar as informações criadas conforme as opções selecionadas nos passos anteriores;
  8. Feito isso, o arquivo será baixado em seu dispositivo e você poderá consultar e tomar as devidas medidas sobre as informações que são disponibilizadas neste serviço

Mais importante do que executar estes passos é ter a cultura de proteção das informações, sendo cauteloso na disponibilização do que será tornado público e como isso pode se desdobrar.

Fonte: Blog do Rodrigo Magdalena