Ataque realistas geram resultados quantificáveis para avaliar de forma proativa os sistemas contra negação de serviço distribuído nas plataformas Microsoft Azure.

A Keysight Technologies revelou novos recursos na BreakingPoint Cloud para ajudar as organizações a adotarem uma abordagem proativa para a segurança de rede por meio da validação de seus serviços de proteção de negação de serviço distribuído (DDoS) baseados em nuvem.

Conforme as nuvens ganham importância para as organizações, as nuvens públicas se tornaram o alvo principal para ataques DDoS. As organizações continuam a migrar para a nuvem, com 92 por cento das empresas usando nuvem pública, de acordo com o RightScale’s State of the Cloud Report, 2018. Ao mesmo tempo, os ataques DDoS continuam a crescer e a evoluir, aproveitando novas vulnerabilidades, contra as quais os usuários de nuvem devem se preparar para se proteger.

A BreakingPoint Cloud agora oferece simulações de ataques DDoS realistas e resultados de teste quantificáveis, o que permite aos usuários validar as defesas do serviço de proteção DDoS da Microsoft Azure, otimizar o processo de resposta DDoS por meio da redução do tempo para detectar e reagir a ataques DDoS, acelerar o tempo de conformidade, reduzir o risco de segurança e treinar as equipes de segurança de rede.

“A Microsoft e a Ixia são inovadoras comprovadas e parceiras de tecnologia confiáveis”, disse JR Mayberry, diretor gerente de produtos da Azure Networking, Microsoft Corporation. “Essa parceria oferece aos clientes Azure a oportunidade de preparar e testar seu ambiente de proteção de nuvem, treinar suas equipes e proteger, de forma proativa, seus recursos Azure contra ataques DDoS”.

“As organizações devem estar preparadas para proteger seus dados e aplicativos na nuvem”, disse Sunil Kalidindi, vice-presidente de gestão de produtos da Ixia, uma empresa da Keysight. “Estamos orgulhosos de oferecer, em parceria com a Microsoft, uma solução comprovada, a BreakingPoint Cloud, para seus clientes assinantes do serviço de proteção DDoS padrão da Microsoft. Com as simulações DDoS da BreakingPoint Cloud, esses clientes podem analisar melhor e interpretar sua telemetria de serviço de proteção DDoS da Azure para certificar-se de que os aplicativos podem escalar, a conformidade de DDoS está documentada, e a equipe de segurança sabe como reagir rapidamente”

Desenvolvidos em parceria e aprovados pela Microsoft, esses novos recursos da BreakingPoint Cloud permitem a validação DDoS de forma autônoma em um ambiente controlado. A solução é econômica, usando preços baseados na utilização que eliminam grandes investimentos iniciais, permitindo que os clientes melhorem seu fluxo de caixa e mantenham melhor controle dos orçamentos pagando pela capacidade utilizada.

Fonte: Security Report