O celular toca e o número que aparece no visor tem as iniciais 06565. Assim que é atendida, a ligação é finalizada. Se você ainda não viveu esta experiência, possivelmente deve conhecer alguém que passou por ela.

Isto porque casos como este têm se tornado frequentes na telefonia móvel baiana nas últimas semanas. E o mistério em torno da origem destas ligações também aumenta. Mensagens compartilhadas pelas redes sociais e aplicativos como o Whatsapp teorizam sobre seu verdadeiro objetivo. A maioria delas trata de um novo golpe aplicado por uma quadrilha que, supostamente, clona e rouba os dados pessoais cadastrados no celular.

Entretanto, isto ainda é uma incógnita, visto que seria necessário a própria pessoa passar suas informações para os criminosos. Outra teoria, defendida pelo professor Jorge Fernandes, do Departamento de Ciências da Computação da Universidade de Brasília (UNB), é a de um golpe feito por um serviço de discagem.

“A pessoa contrata um serviço de discagem com minutagem e estipula um preço pelo minuto. É o mesmo funcionamento dos tele-sexos de antigamente”, disse ele em entrevista ao jornal O Tempo, acrescentando que as pessoas que retornaram as ligações de seus celulares tiveram os créditos gastos rapidamente.

Uma das vítimas foi a técnica em Segurança do Trabalho Luciana Almeida, que recebeu a ligação no último domingo, 21. “Achei que era algum parente que mora em outra cidade, mas foi estranho porque foi apenas um toque. Antes de pensar em retornar, busquei logo na internet se havia casos parecidos e achei informações sobre um possível golpe”, diz ela.

A reportagem do Portal A TARDE entrou em contato com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) que, por meio de sua assessoria, informou não atuar sobre casos criminosos. Já a Delegacia de Repressão ao Estelionato e Outras Fraudes (Dreof) de Salvador disse não ter conhecimento sobre a situação.

As reclamações sobre o recebimento de chamadas do tipo só aumentam. No site unknownphone.com, inúmeros usuários denunciam diariamente os números para tentar identificar a origem das ligações.

“Recebi uma ligação com esse número e com outro número com essa mesma inicial. A primeira ligação eu não atendi, porém retornei. Quando atenderam, foi uma voz de um computador desejando um ótimo dia e coisas do tipo”, escreveu uma dos internautas, que não se identificou.

Bloqueio das ligações

Por conta do código de área 65, a operadora de telefonia Telecom 65 – com sede no Rio de Janeiro e atuação em diversas cidades, entre elas Salvador – foi apontada como autora das ligações e recebeu diferentes queixas sobre o caso, principalmente de vítimas que estavam sendo importunadas durante a noite e madrugada.

De acordo com a ouvidoria da empresa, quem se sentir lesado pode entrar em contato através dos canais de atendimento e pedir o bloqueio do celular para ligações com iniciais 065. Para isso, basta ligar para o número 10365 ou enviar um e-mail para cobranca@telecom65.com.br e informar o número do seu celular.

Fonte: Portal a Tarde