NSAA Agência Nacional de Segurança dos EUA teria hackeado mais de 50 mil redes de computação do mundo como parte dos esforços de inteligência, e também em grandes cabos de fibra óptica que transportam tráfego de Internet entre continentes em 20 pontos diferentes.

A agência instalou malware especializados conhecidos como “implantes” em mais de 50 mil aparelhos para realizar a chamada Computer Network Exploitation (CNE), de acordo com o jornal holandês NRC Handelsblad, que se baseou em documentos vazados pelo ex-funcionário da NSA, Edward Snowden.

A informação teria sido retirada de uma apresentação ultra secreta de 2012 sobre as capacidades de inteligência da NSA que foi compartilhada com serviços da Austrália, Canadá, Reino Unido, e Nova Zelândia.

A CNE é uma dos três Computer Network Operations (operações de redes de computação, em tradução livre) realizadas pelos especialistas da NSA. Ela inclui “habilitar ações e coleta de inteligência por meio de redes de computadores que exploram dados reunidos a partir de sistemas ou redes de informação de alvos ou inimigos”, afirma a agência em seu site.

De acordo com um slide da apresentação publicado pelo jornal NRC, a NSA teria realizado mais de 50 mil “implantes” CNE no mundo todo.

Fonte: IDG Now!